Curta a nossa página
Boa noite!  Teresina, 15 de setembro de 2019
 
22/08/2019 às 10h47 O âncora Você está aqui: Home / Nacional Imprimir postagem

Governadores reagem a Bolsonaro: “nosso espírito de paraibanidade só cresce”

Em coletiva no encerramento do Fórum de Governadores do Nordeste em Teresina, o governador da Paraíba, João Azevêdo, foi escolhido estrategicamente para responder aos ataques feitos pelo presidente Jair Bolsonaro aos governadores do Nordeste. Azevêdo informou que as críticas só aumentam o espírito de “paraibanidade” e “nordestinidade” da região. Ele informou que os gestores encaram com surpresa às palavras do presidente e que vão responder com plano de trabalho.

"Discussões sobre falas que são ditas e às vezes malditas não nos preocupam. Temos uma visão muito clara de que é importante focar em coisas positivas que é essas declarações que foram feitas ao contrário do que se imagina despertou o espírito de paraibanidade muito grande, de nordestinidade e não vamos nos preocupar com esse tipo de declaração", disse o governador da Paraíba. 

O presidente do Consórcio do Nordeste, Rui Costa, anunciou que serão lançados dois editais, um deles com teor internacional para o programa Nordeste Conectado. Outro será para a compra conjunta de medicamentos e equipamentos. A previsão é que este edital ele seja publicado até o dia 30 de agosto.

“Haverá uma redução de preços para os estados do Nordeste. Vamos fazer mais com o mesmo o valor. Vamos economizar nos investimentos da saúde”, disse Rui Costa, governador da Bahia.

Rui Costa anunciou ainda que, na próxima semana, em Fortaleza, será lançado um edital para chamamento público destinado ao setor de informática, no projeto batizado pelos governadores de Nordeste Conectado. O projeto prevê 40 mil metros de fibra ótica, levando internet a 1500 municípios do Nordeste. 

O governador da Bahia disse ainda que na “Carta de Teresina” vai expor sua preocupação com as privatizações anunciadas pelo Governo Federal dos Correios, Eletrobras e Chesf. Rui Costa disse que espera estudos sobre a melhoria dos serviços. Ele informou ainda que a próxima reunião de governadores será em Natal, no Rio Grande do Norte. Na ocasião estará acontecendo um encontro com investidores da Alemanha.

Rui Costa criticou ainda a postura de Bolsonaro em relação a Argentina. “Isso mostra uma percepção de inconsequência, já que só 30% concordam com o que o presidente faz”, afirmou.

O governador Wellington Dias ressaltou a união do Nordeste em prol do Consórcio e disse que o edital do Nordeste Conectado vai integrar os estados da região com o resto do país. 

Já Flávio Dino disse que o Consórcio não intimida qualquer tipo de perseguição e que a preocupação é a agenda de trabalho. O governador do Maranhão voltou a criticar os ataques do presidente Bolsonaro. 

Foto: Roberta Aline

CARTA DE TERESINA

Teresina, 21 de agosto de 2019.

Reunidos em Teresina-PI, os governadores dos Estados de Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe, no âmbito do Consórcio Interestadual de Desenvolvimento Sustentável do Nordeste, expõem, nesta carta, o que segue:

1. Ratificam a agenda à Europa já anunciada para o próximo mês de novembro, quando buscarão, junto a potenciais investidores e agências de cooperação, dar relevância às áreas de maior competitividade da região, valorizando os projetos integradores entre
todos os Estados.

2. Acelerar o caminho das compras públicas coletivas até o final deste mês de agosto. Para isso, os governadores decidiram pela constituição de um grupo de trabalho que acelere os arranjos necessários para a efetivação das compras de equipamentos e insumos da área de saúde que serão anunciados já na próxima semana.

3. Para efetivar as compras coletivas anunciadas, foi realizada a assinatura do “Contrato de Programa”, que possibilitará o compartilhamento, entre os estados, de equipamentos e insumos obtidos por meio de tais compras coletivas;

4. Os governadores dos nove estados do Nordeste se manifestam preocupados com o anúncio feito pela imprensa de privatização de empresas estatais, tendo dado especial atenção aos Correios e Eletrobrás. Sem estudos técnicos aprofundados e a necessária compreensão de todos os impactos, tais vendas poderão trazer consequências negativas para a soberania nacional e um possível retrocesso à integração regional.

5. Reforma Tributária: o Consórcio Nordeste compreende a necessidade de reestruturação da base de contribuição fiscal no Brasil e, para isso, anuncia que até o próximo de setembro, apresentará documento unificado e detalhado de reforma tributária para o Brasil.

6. Sobre questões agropecuárias, compreende-se ser necessária a elaboração de um plano de intervenção junto às agências agropecuárias dos estados, para assegurar a competitividade e sustentabilidade do setor na região. Assim, pedem ao presidente da câmara dos deputados, Rodrigo Maia, apoio e agilidade, na tramitação do PL 9281/2017, que disciplina o repasse de recursos federais aos Estados, ao Distrito Federal e aos Municípios, para subsidiar as ações de defesa agropecuária.


Fica agendada a próxima reunião do Consórcio no Rio Grande do Norte, durante o Encontro Brasil – Alemanha, no período de 15 a 17 de setembro de 2019, na Cidade de Natal.


Governadores do Nordeste

 

 

Reproduzido de cidadeverde.com

 


  Tags:

sem tags

Comentários

Atenção! Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião desta página, se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.